Início do conteúdo da página
Início do conteúdo da página

Segunda do Português: "É que" e "Iremos fazer"

Publicado em: 23/09/2019

1. É que         

Essa expressão, usada para realçar ideias dentro do texto, é vítima constante de infrações. Observe este caso:

            Você foi que perdeu o voo?

A expressão É QUE não varia se os dois termos aparecerem juntos:

            Os cachorros é que latem. (= Os cachorros latem)

            Nós é que somos brasileiros. (= Nós somos brasileiros)

            Eles é que ficaram felizes. (= Eles ficaram felizes)

            Onde foi que você colocou o controle remoto? (errado)

            Onde é que você colocou o controle remoto? (correto)

            As meninas são que precisam treinar hoje. (errado)

            As meninas é que precisam treinar hoje. (correto)

 

No entanto, se os termos estiverem separados pelo sujeito da oração, o verbo sofrerá variação para concordar com o sujeito:

            São os cachorros que latem.

            Somos nós que somos brasileiros

            Foram eles que ficaram felizes.

            São as meninas que precisam treinar hoje.

Corrigindo o primeiro exemplo:

            Você é que perdeu o voo?

 

2. Iremos fazer

Observe a frase abaixo, em que se utilizou erradamente o tempo verbal:

            Nós iremos cantar o “parabéns” às dez horas.

Quando for indicar o tempo futuro com locução verbal (IR + INFINITIVO), use o verbo ir no presente, não no futuro do presente.

            Nós iremos viajar amanhã. (errado)

            Nós vamos viajar amanhã. (correto)

            Os funcionários irão chegar no horário. (errado)

            Os funcionários vão chegar no horário. (correto)

O que denota a ideia de futuro é a locução verbal, a união dos dois verbos construindo uma única ação verbal. Observe que, quando se diz “tenho trabalhado muito”, está expressa a ideia de passado, mas o verbo auxiliar (tenho) está no presente. O conjunto tenho trabalhado é que transmite o pretérito da oração. Da mesma forma, ao dizer vou viajar, essa locução indica o futuro, sem ser necessário que o verbo auxiliar fique no futuro do presente (irei). Nossa frase-exemplo fica mais bem-redigida assim:

            Nós vamos cantar o “parabéns” às dez horas.

 

Envie críticas e sugestões para esta coluna pelo e-mail: ascom@ufma.br


Quer ver uma iniciativa bacana do seu curso divulgada na página oficial da UFMA? Envie informações à Ascom por WhatsApp (98) 98408-8434.
Siga a UFMA nas redes sociais: Twitter, Facebook, Instagram, YouTube e RadioTube

Revisão: Jáder Cavalcante

Texto: JADER CAVALCANTE DE ARAUJO
Última alteração em: 23/09/2019 13:00

Mais opções
Copiar url

Outras Notícias

25/11/2020

20:32

Alunos de Ciência da Computação e BICT representarão a UFMA em evento nacional de programação   SÃO LUÍS - A equipe “UFMA Time 1”, composta pelos estudantes Davyson Almeida, Pedro Bernhard e Manu Lemos dos cursos...

25/11/2020

19:02

UFMA realiza 26º Simpósio Brasileiro de Sistemas Multimídia e Web   SÃO LUÍS – Entre os dias 30 deste mês e 4 de dezembro, será realizado o 26º Simpósio Brasileiro de...

25/11/2020

17:58

Superintendência de Infraestrutura busca parcerias em Imperatriz   SÃO LUÍS - No dia 12 deste mês, ocorreu uma reunião na Associação Comercial e Industrial de Imperatriz (ACII) entre...

25/11/2020

12:24

Pós-Graduação em Química promove webinário em cooperação internacional com Madrid   SÃO LUÍS - A Agência de Inovação, Empreendedorismo, Pesquisa, Pós-Graduação e Internacionalização (AGEUFMA) informa que o Grupo de Pesquisa em...

25/11/2020

11:06

Proquali concede o Prêmio Mérito Científico para sete pesquisadores da UFMA   SÃO LUÍS - O Programa de Qualidade da Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação (Proquali) da UFMA divulgou, nesta semana, a lista...
Fim do conteúdo da sessão