Início do conteúdo da página
Início do conteúdo da página

Aula inaugural do Profebpar marca o início do curso de Filosofia, em Peri-Mirim

Publicado em: 30/04/2016

PERI-MIRIM - “Filosofia prática: em busca de um sentido razoável para a ação”. Este foi o tema da aula ministrada pelo professor do departamento de Filosofia, Helder Machado Passos, que marcou o início da primeira Licenciatura em Filosofia do Plano Nacional de Formação de Professores da Educação Básica (Profebpar), no município de Peri-Mirim, realizada nesta sexta-feira, 29.

Durante a palestra, o professor levou os 49 ingressantes no curso de primeira licenciatura em Filosofia do município de Peri-Mirim, cidade localizada na Baixada Maranhense, a 333 km da capital, a refletirem sobre o que é filosofia e qual sua importância para a sociedade e sobre o pensar do homem e refletir também acerca de fatores que contribuem para o desenvolvimento de uma nova vida, sempre embasada na leitura e aquisição de novos conhecimentos. “Durante o curso é fundamental que todos leiam os livros e textos. É normal que ao lerem os textos, muitos não entendam o que o autor quis dizer, e será preciso retornar e ler quantas vezes necessário e até questionar o professor para entender a que o autor se refere. Não deixem que isso os desanime, sigam em frente e vocês verão que não serão mais os mesmos e ao término do curso, verão as coisas de forma diferente, pensarão de forma diferente e isso fará toda diferença no dia a dia de cada um de vocês”, afirmou.

Rosicleia Campos, professora de Peri-Mirim há 12 anos, lembrou que sempre ministrava aulas para turmas de alfabetização e ensino fundamental, em turmas do 5º ao 8º ano. “Sempre sonhei em fazer Biologia, porém por condições financeiras, não consegui levar adiante, foi quando surgiu a oportunidade de fazer Filosofia. No início não tive interesse em me inscrever, porém meus dois filhos, um de 15 e outro de 17 anos, me incentivaram e disseram pra eu tentar o curso. Foi então que decidi fazer para servir de exemplo pra eles também e mostrar que precisamos sempre nos desafiar e estudar, independente da idade, sempre no intuito de nos atualizarmos constantemente”, disse a nova acadêmica que reforça ainda seu interesse em buscar novos conhecimentos e aprimorar o que já possui a fim de exercer a docência com profissionalismo.

Já Rosicleia Reis, professora do ensino infantil há oito anos, ressaltou sua vontade em fazer o curso de Pedagogia, mas que também por dificuldades financeiras não foi possível, por isso enfatiza a importância deste curso chegar até Peri-Mirim. “É bom está sempre nos atualizando e aproveitar bastante as oportunidades não só nesta área, mas em todas as outras também. Recebi um grande incentivo do diretor da escola que trabalho, o qual já cursa Filosofia na UFMA, Campus Pinheiro; e, para mim, fazer este curso gratuitamente é muito bom, já que não é todo dia que temos uma oportunidade como essa e que temos que agarrar cada momento que a vida nos proporciona. Temos muito que aprender a cada dia e o curso nos mostrará isso”, declarou.

Para o prefeito de Peri-Mirim, João Felipe Lopes, a implantação do curso de Filosofia na cidade é um compromisso assumido e que hoje está realizado. Segundo ele, ter a UFMA nesta região vai propiciar aos professores do município mais qualificação profissional e garantirá um aprendizado melhor para os estudantes de todas as séries, já que Filosofia é uma disciplina essencial para todos. João Felipe enfatizou ainda que com a instalação do curso, não será preciso o professor se deslocar da cidade para outra em busca de uma graduação, já que tudo requer custos, o que não é fácil.

A coordenadora do curso de Filosofia, professora Marly Cutrim de Menezes, lembrou que durante os quatro anos do curso, muitas dificuldades serão encontradas, mas que elas fazem parte do cotidiano de cada um, e que estas dificuldades não sejam motivos para desistências e sim para perseverança. Ela desejou a todos os novos estudantes que tenham compromisso, ousadia e desafios em concluir o curso.

Na ocasião, os alunos da escola municipal Cecília Botão – Anexo II realizaram a peça teatral intitulada “Emília e a pílula do Dr. Caramujo”, baseada na obra Sítio do Pica-pau Amarelo, de Monteiro Lobato, no intuito de mostrar aos novos estudantes a importância de ler e ter conhecimento sobre o que pensar e falar. A obra retrata a pílula que o Dr. Caramujo deu para a boneca Emília, a pedido de Narizinho, com a intenção de fazê-la falar.

No dia seguinte, a turma se reuniu com a coordenação do curso para obter conhecimento sobre as atividades que serão ministradas e como será a metodologia e cronograma das aulas.

====

Quer ver uma iniciativa bacana do seu curso divulgada na página oficial da UFMA? Envie informações à Ascom por WhatsApp (98) 98408-8434.

Siga a UFMA no Twitter e curta nossa página no Facebook.


Quer ver uma iniciativa bacana do seu curso divulgada na página oficial da UFMA? Envie informações à Ascom por WhatsApp (98) 98408-8434.
Siga a UFMA nas redes sociais: Twitter, Facebook, Instagram, YouTube e RadioTube

Revisão: Débora Santos

Lugar: Peri-Mirim
Texto: Sansão Hortegal
Última alteração em: 03/05/2016 14:11

Mais opções
Copiar url

Outras Notícias

06/12/2019

17:55

UFMA apresenta à Equatorial Energia projeto de instalação de subestação no Câmpus São Luís SÃO LUÍS – A UFMA terá uma subestação de energia na Cidade Universitária Dom Delgado, o que contribuirá com significativa...

06/12/2019

16:28

Portal de Gestão de Transparência da Proaes e avanços tecnológicos facilitam acesso a serviços SÃO LUÍS – “Estamos cumprindo as normas das boas práticas do serviço público, usando ferramentas existentes, desenvolvidas pelos nossos novos...

06/12/2019

16:03

Capes aprova o mestrado em Desenvolvimento e Meio Ambiente e o doutorado em Saúde da Família SÃO LUÍS – Foi aprovado esta semana pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) o mestrado do...

06/12/2019

13:39

UFMA é destaque no Prêmio Fapema 2019 com 16 premiações em diversas áreas científicas SÃO LUÍS - Uma noite memorável, marcada pelo sentimento de dever cumprido e pela emoção do reconhecimento: esse foi o...

06/12/2019

13:30

Atividade cultural encerra o semestre do Curso de Ensino de Idioma para a UNITI SÃO LUÍS – A tarde de quinta-feira, 5, foi animada no Auditório Sérgio Ferretti. Cerca de noventa alunos da Universidade...
Fim do conteúdo da sessão