Acesso e Ingresso à Ufma Universidade Federal do Maranhão - UFMA
Início do conteúdo da seção

Acesso e Ingresso à Ufma

As instituições de ensino brasileiras públicas e privadas mantêm portas abertas para receber estrangeiros de qualquer nacionalidade que queiram estudar no Brasil.

O procedimento básico para que um jovem estrangeiro estude no Brasil, independente do nível de ensino, é ser aceito pela instituição de ensino e providenciar o visto de estudante. O visto só é concedido mediante o documento que mostra a aprovação ou a matrícula na escola ou universidade.

Visto de estudante é concedido pelo prazo de um ano através dos serviços consulares das embaixadas ou consulados brasileiros. Este tipo de visto não permite que o estudante mantenha vínculo empregatício no Brasil. O portador do visto precisa ainda se apresentar ao Departamento da Polícia Federal no prazo de um mês após a chegada ao Brasil para conseguir o registro de residente temporário.

As matrículas variam de acordo com o ensino em que o estrangeiro pretende estudar:Ensino Médio, Graduação ou Pós-Graduação

Ensino médioJovens de 15 a 18 anos podem participar dos programas de intercâmbio mantidos por empresas especializadas, associações ou organizações de caráter educativo, brasileiras e estrangeiras. 

Não é exigido que o estudante saiba falar português. Em geral, os programas de intercâmbio prevêem um período para que o jovem aprenda a língua portuguesa ou no seu país de origem ou ao chegar ao Brasil. 

A validação do tempo de estudos no Brasil como crédito para a conclusão do nível de ensino correspondente depende da legislação do país de origem. Em alguns casos, não há como aproveitar o ano ou semestre cursado no Brasil.

GraduaçãoDiversas instituições de ensino superior brasileiras, públicas e privadas, mantêm convênios de intercâmbio no nível de graduação com instituições de ensino estrangeiras. Nestes casos, o jovem já é um estudante universitário e pode solicitar sua transferência para a universidade ou faculdade brasileira. As regras para seleção dependem de cada convênio

Em qualquer das formas de ingresso nos cursos de graduação, é exigido que o candidato apresente o Certificado de Proficiência em Língua Portuguesa para Estrangeiros (Celpe-Bras). Estudantes de países onde não há aplicação do teste podem realizá-lo uma vez após a participação em Curso de Língua Portuguesa para Estrangeiros.

Fim do conteúdo da seção