Una-SUS lança cursos sobre Saúde das Mulheres na Atenção Básica
Início do conteúdo da página
Início do conteúdo da página

Una-SUS lança cursos sobre Saúde das Mulheres na Atenção Básica

Publicado em: 19/04/2017

SÃO LUÍS - A importância de contribuir com a luta pelo fortalecimento dos direitos da mulher, sobretudo no que diz respeito ao acesso à saúde. Nessa terça-feira, 18, a Una-SUS-UFMA lançou três cursos que vão compor a nova área temática “Saúde das Mulheres na Atenção Básica (AB): protocolo clínico para enfermagem”. São eles: Saúde sexual e reprodutiva e atenção às mulheres em situação de violência na AB; Atenção às mulheres no pré-natal de baixo risco, puerpério e promoção do aleitamento materno na AB; e, Atenção ginecológica, climatério e prevenção dos cânceres de colo de útero e mama na AB.

Os cursos são voltados para profissionais da enfermagem que atuam na atenção básica. A proposta é reconhecer a importância das ações de acompanhamento para a melhoria dos serviços de saúde disponibilizados para as mulheres, assim como proporcionar reflexão ao profissional sobre a importância do seu papel, no momento do acolhimento, enquanto cuidador e facilitador da autonomia e na luta dos direitos individuais e da família.

Esta oferta busca, também, difundir o atendimento integral e humanizado, considerando as questões de gênero e sexualidade que envolvem a diversidade das mulheres. É a defesa de seus direitos e a garantia da assistência à saúde da mulher na atenção básica, em benefício da qualidade de vida e do empoderamento feminino.

As inscrições serão realizadas até o dia 17 de maio, pelo site. Os alunos inscritos terão como prazo final o dia 27 de setembro de 2017 para a conclusão dos cursos.

Sobre a oferta

“Saúde das Mulheres na Atenção Básica: protocolo clínico para enfermagem” é uma oferta do Programa de Valorização do Profissional da Atenção Básica (PROVAB), que é viabilizado pelo Sistema Universidade Aberta do SUS (UNA-SUS). Essa área temática é composta por três cursos na modalidade autoinstrucional.

A oferta apresenta, ainda, um novo recurso educacional: a avaliação entre pares. Uma estratégia que convida o aluno para uma construção de conhecimento colaborativa. Com essa novidade, trabalhadores da saúde de todo o Brasil terão a oportunidade de compartilhar ideias e propostas para a melhoria da saúde.

Em até dez dias úteis após a finalização de suas atividades, o aluno poderá obter certificação pela oferta educacional completa (45 horas), se concluir todos os cursos, ou por cada curso concluído individualmente (15 horas).

Cursos

Saúde sexual e reprodutiva e atenção às mulheres em situação de violência na Atenção Básica - aborda conteúdos relacionados aos direitos sexuais e reprodutivos, como também às particularidades da atenção a mulheres vítimas de violência sexual e/ou doméstica/intrafamiliar na Atenção Básica.

Atenção às mulheres no pré-natal de baixo risco, puerpério e promoção do aleitamento materno na Atenção Básica - trata das ações básicas da atenção humanizada voltada para o pré-natal, destacando-se a importância de uma gestação saudável e do acolhimento, do início ao fim desse período.

Atenção ginecológica, climatério e prevenção dos cânceres de colo de útero e mama na Atenção Básica - traz uma abordagem sobre as principais intercorrências ginecológicas relacionadas à menstruação, causas de dor pélvica e ações de controle dos cânceres do colo do útero e de mama, tendo em vista a alta incidência e mortalidade relacionadas a essas doenças no Brasil e no mundo.


Quer ver uma iniciativa bacana do seu curso divulgada na página oficial da UFMA? Envie informações à Ascom por WhatsApp (98) 98408-8434.
Siga a UFMA nas redes sociais: Twitter, Facebook, Instagram, YouTube e RadioTube

Revisão: Jáder Cavalcante

Lugar: Cidade Universitária Dom Delgado
Fonte: Ascom UnA-SUS
Última alteração em: 24/04/2017 01:12

Mais opções
Copiar url

Fim do conteúdo da sessão