Programa de Educação Tutorial (PET) Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Início do conteúdo da página

Programa de Educação Tutorial (PET)

    O Programa de Educação Tutorial foi criado pela CAPES em 1979, na época como Programa Especial de Treinamento. Atualmente, o PET é coordenado pela Secretaria de Educação Superior do Ministério da Educação e é regido pela Portaria MEC nº 976, de 27 de julho de 2010. Trata-se de um programa acadêmico direcionado a alunos regularmente matriculados em cursos de graduação. Estes alunos, selecionados pelas Instituições de Ensino Superior que participam do programa, se organizam em grupos, e são orientados por professores tutores. Os grupos PET realizam atividades que possibilitam uma formação acadêmica ampla aos estudantes e que envolvem ensino, pesquisa e extensão.

    O valor mensal das bolsas de tutor doutor e de tutor mestre é equivalente ao praticado na política federal de concessão de bolsas de doutorado e na política federal de concessão de bolsas de mestrado, respectivamente. A bolsa mensal do estudante bolsista equivale ao praticado na política federal de concessão de bolsas de iniciação científica.


    São objetivos do Programa:

    • Desenvolver atividades acadêmicas em padrões de qualidade e de excelência, mediante grupos de aprendizagem tutorial de natureza coletiva e interdisciplinar;
    • Contribuir para a elevação da qualidade da formação acadêmica dos alunos de graduação;
    • Estimular a formação de profissionais e docentes de elevada qualificação técnica, científica, tecnológica e acadêmica;
    • Formular novas estratégias de desenvolvimento e modernização do ensino superior no país;
    • Estimular o espírito crítico, bem como a atuação profissional pautada pela cidadania e pela função social da educação superior;
    • Introduzir novas práticas pedagógicas na graduação;
    • Contribuir para a consolidação e difusão da educação tutorial como prática de formação na graduação;
    • Contribuir com a política de diversidade na instituição de ensino superior – IES, por meio de ações afirmativas em defesa da equidade socioeconômica, étnico-racial e de gênero.

     

    A UFMA possui atualmente 13 (treze) grupos PET junto ao MEC, num total  de 156 alunos bolsistas, 13 tutores, além  de petianos não bolsistas e voluntários. Os grupos são:

    • PET Biblioteconomia, criado em 1988.
    • PET Biologia, criado em 1988.
    • PET Ciência da Computação, criado em 2007.
    • PET Ciências Sociais, criado em 1988.
    • PET Direito, criado em 1988.
    • PET Física, criado em 2006.
    • PET Ciências Naturais (Campus de Bacabal), criado em 2010.
    • PET Ciências Naturais (Campus de Grajaú), criado em 2010.
    • PET Conexões/Educação do Campo, criado em 2010.
    • PET Conexões de Saberes (Campus de Imperatriz), criado em 2010.
    • PET Conexões de Saberes – Pesquisa e Extensão em Espaços Sociopedagógicos, criado em 2010.
    • PET Conexões de Saberes – Pesquisa e Extensão em Direitos Humanos, Culturas e Subjetividades, criado em 2010.
    • PET Conexões de Saberes – Pesquisa e Extensão em Comunidades Populares, criado em 2010.

            

    http://pet.ufma.br/ 

    Contato: (98) 3272-8736 | diaac.proen@ufma.br

    Para mais informações sobre o programa acesse aqui.

     

    Fim do conteúdo da página